3
Fev
A maioria PS no Parlamento rejeita diploma do PSD sobre eliminação de barreiras arquitectónicas.

O projecto social-democrata estabelecia normas sobre o acesso de deficientes a edifícios e espaços públicos, novas regras para edifícios habitacionais e propunha também a criação de um fundo de apoio à pessoa com deficiência.

Uma das regras propostas apontava para o indeferimento de qualquer projecto que não respeitasse as condições de acesso exigíveis

O diploma foi rejeitado pelos deputados socialistas. As restantes bancadas parlamentares votaram a favor.


Esta notícia já foi consultada 2169 vezes
 
Publicidade