25
Mar
 
União na causa da Trissomia 21
 
União de esforços pela causa da Trissomia 21 e a plena Integração, Inclusão e Respeito destas crianças.

O Koisas da Bi, os testemunhos vindos do Brasil (João Tomaz da Silva, Leonardo Gontijo, Marcelo Vasconcelos, Livro Down) associaram-se ao "Sara, a Luz!" e à Associação Olhar 21 no II Encontro Nacional de Famílias de Pessoas com Trissomia 21 que decorreu em Coimbra no passado dia 24-03-2012 e não só deram um exemplo de espírito de entreajuda e partilha, como uma lição de cidadania.

O Koisas da Bi elaborou em cima da hora 4 bonecas com Trissomia 21 que fizeram a delicia de pais e crianças, afinal pela primeira vez crianças com Trissomia 21 e familares poderão ver e algumas adquirir bonecas que simbolizando a sua diferença se identificavam com elas, fazendo desta "diferença" uma igualdade.

Já podemos dizer que há bonecas com Trissomia 21, que representam lindas e adoraveis crianças que se reveem e identificam e tem a sua boneca como qualquer menina. Está já em elaboração um boneco com Trissomia 21, que se charamá Gui, alusivo ao menino que o inspirou. Quem sabe haverá ainda um casal de bonecos em cadeira de rodas?!!! Todas as crianças tem direito a um brinquedo com o qual se identifique e que se iguale, as bonecas "Diferentes" são exactamente o concretizar de um desejo de várias mães e meninas. A diferença nas crianças está nos olhos e num cromossoma a mais, no fim ambas tem o mesmo olhar e sentem as coisas à sua volta, claro que de maneira diferente mas porque tem idades, personalidades e maturidades diferentes, mas no fim vem e sentem as mesmas coisas como qualquer outro.

Debaixo de uma capa de "imperfeição" estão seres humanos fantásticos que apenas precisam de uma oportunidade de igualdade para uma igualdade de oportunidades. Quantos de nós não podemos amanhã precisar de uma mão amiga que nos alimente, lave , vista ou nos ajude a caminhar, ou nos de um copo de agua, e esse alguem pode muito bem ser uma pessoa com Trissomia 21. Afinal, O AMOR NÃO CONTA CROMOSSOMAS!

O Bipp não ficou esquecido nem a sua missão junto de famílias de pessoas com deficiência e esteve presente através dos seus panfletos entregues na recepção de participantes.

O Ponto alto foi o lançamento do Guia de Boas Práticas na T21, que ocorreu no dia 21 e que é uma poderosa ferramenta para tecnicos, educadores e professores, mas também para pais e cuidadores.

Vale a pena adquirir em www.olhar21.com


Bem Haja,

Sandra Morato
Esta notícia já foi consultada 8647 vezes
 
Publicidade